30/07/2013

O que ainda resta das batidas do meu coração

Fora de ritmo, lento.
E parece que ele parará a qualquer momento.
Qualquer um.

Não sobra muito de mim. E eu percebo que estou me dissolvendo.
Também não resta muito da lembrança dos outros. Essa nunca existiu mesmo.
E também eu vejo meus olhos se fechando para um nunca mais.

E eu ainda não sei muito sobre o que acontece comigo. Mesmo não estando acontecendo nada.
E eu nem sei o que é acontecer. E eu não sei de nada.
Apenas de que o mundo vai explodir, a qualquer momento.

Estou sendo movida por algo desconhecido, algo que nem sei se existe.
Mas eu não sei de nada. Nem do que se diz ao meu respeito.

E ainda restam as batidas do meu coração.
Seja lá o que isso possa me significar.
Ma elas existem.
Num tom monótono. Rápido.

25/07/2013

A verdade é que eu não consigo ver a verdade.
Eu não consigo ver os erros.
Nem os suicídios.
Eu não consigo nem mesmo me ver.
É como se eu estivesse fugindo de um reflexo.

A verdade, além de tudo, é que não existe verdade.
Não existem erros para serem vistos.
Nem consequências.
Não há eu.
Nem reflexo.

A verdade é que eu estou me fazendo de cega, exatamente para não ver a verdade.
E o resto nós deixamos em segredo.
Fluir.
Como quiser ir.

23/07/2013

Bules

Ainda me perguntou por que existem bules. Eles são lindos, delicados, e harmoniosos. Mas não seguram o calor. Já as práticas garrafas térmicas sim. E são mais baratas. E mais fácil utilização. E mesmo assim ainda vejo um encanto nos bules. Bules... Eles são adoráveis peças que compõem um ar meio velho para tudo. E eu ainda assim gosto de bules. Ou chaleiras. Tanto faz.Google Image Result for http://en.vogue.fr/uploads/images/thumbs/201244/tea_time_5617_north_545x.jpg
A capacidade da Ana de achar coisa inúteis boas é tão grande, que olha... Enfim, isso já foi postado por aqui faz muito tempo. Foi quando eu senti um vazio por terminar "As Vantagens de ser Invisível". Enfim. Um lixo. Mas a Ana gostou. Eis isso aqui tornando-se uma postagem.

07/07/2013

Outro blog

Oi pessoas lindas, então, como algumas de vocês sabem, eu comecei a série "Algo de insano", mas interrompi. E fiz isso por dois motivos: (1) estava sem tempo; (2) não combina com o VA uma série aqui. Por isso, eu criei um outro blog só para as minhas histórias esquisitas. Se você! Você mesmo, quiser ver o final da história e acompanhar outras séries, estará tudo no Totalmente Alheia >> http://www.totalmentealheia.blogspot.com.br/ .
Beijos pessoas!